O Rendimento Social de Inserção (RSI) é uma medida de Política Social que consiste num apoio destinado a proteger as pessoas que se encontrem em situação de pobreza extrema, sendo constituído por:

  • uma prestação em dinheiro para assegurar a satisfação de necessidades básicas;
  • um programa de inserção que integra um contrato elaborado de acordo com as características e condições do agregado familiar, onde se estabelecem as ações a desenvolver visando uma progressiva inserção social, laboral e comunitária dos seus membros.

 

Em 2007 o Instituto da Segurança Social, IP firmou um protocolo de RSI com o CCPF visando o acompanhamento de beneficiários residentes na União de Freguesias Pontinha/Famões e no Bairro da Arroja, que atualmente abrange 350 Agregados Familiares. O apoio é prestado por uma equipa multidisciplinar constituída por 3 Assistentes Sociais, 2 Psicólogas(os), um(a) Educador(a) Social e 9 Ajudantes de Ação Direta.

O RSI deve ser requerido nos serviços de atendimento da Segurança Social. Para mais informações consulte o site/serviços da segurança social (Rendimento social de inserção).